eternamente verde

terça-feira, 19 de novembro de 2013

SUPREMO PERDIDO

Eu já tinha dito que não me manifestaria com relação ao Mensalão e a ação 470 do STF, mas está difícil ficar quieto. Aos quatro cantos estou lendo coisas como: “Petistas avaliam que Barbosa feriu a Constituição ao determinar a prisão dos condenados ao regime semiaberto em regime fechado, por não atender aos pedidos de cumprimento das penas no local do domicilio, e não está a dar tratamento adequado a quem precisa de atendimento médico, como o deputado José Genoino (PT-SP)”. Vi ontem o Ministro do Supremo Marco Aurélio dizer em alto e bom tom que: “É um absurdo uma pessoa condenada ao Regime Semiaberto e cumprindo sua pena em Regime Fechado” Ahhhh, façam-me o favor, parem com toda essa demagogia, pois parece que uma coisa dessas não acontece em nosso sistema prisional. Já cansei de impetrar “milhares” de habeas corpus de presos cumprindo pena em regime diferente ao fixado em sentença. E quantos Dr. Marco Aurélio foram negados só o senhor vendo para crer. Os Ministros do STF não estão acostumados a condenar e mandar prender políticos influentes. O Ministro Joaquim Barbosa já se esqueceu que a quem cabe executar as penas é um Juiz das Execuções Criminais. Chegaram a expedir os mandados de prisão e não expediram as “Cartas de Guia” para o Juízo das Execuções. Portanto, meus queridos amigos, são todos estagiários perdidos no começo de carreira!! Em tempo: Senhor Doutor Advogado do Deputado José Genuíno, pegou muito mal a sua atitude de mostrar o “dedo do meio” aos jornalistas que cobriam a prisão de seu “cliente”.

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

NEM ELE ACREDITOU!!

Ajoelhado, agradecendo aos céus, (lê-se seus comparsas), o deputado federal Natan Donadon comemorava a manutenção de seu mandato de “ilustre representante do povo Rondoniense”. A cena pode ser vista em foto de primeira página da Folha 29.08.2013 logo após o anúncio da votação feita por seus pares de forma secreta. Sobra-me imaginação, faltam-me palavras, pois a vontade que tenho é de digitar um monte de palavrões, mas seriam impublicáveis e atentariam contra vc meu caro leitor. Mas o fato é que, o “nobre deputado” foi condenado pelo STF a mais de 13 anos de cadeia pelo desvio de, pelo menos, R$ 8,4 milhões da Assembléia Legislativa de Rondônia. Meu caro amigo(a) Qual foi o recado do Congresso? Primeiro, a total insatisfação com o STF (Supremo Tribunal Federal); Segundo, a força de seu “CORPORATIVISMO”, aliado a força da bancada religiosa no congresso e, por último, a revolta da ala governista com o resultado do Mensalão, dando mostras que poderão ou não cassar os condenados da ação 470. Pergunto: É para isso que eu gasto o meu tempo ao exercer meu direito de cidadão na hora do meu voto? É para isso, meu caro amigo, que pagamos impostos escorchantes para sustentar essa “cambada de interesseiros? (para não dizer outra coisa). Ali ninguém me representa com uma atitude dessas e acredito que nem a você que lê agora esse desabafo. Cada vez mais aumenta a indignação, a insatisfação, e a decepção com o nosso Legislativo que deveriam se preocupar muito mais com as coisas que afligem a população que neles votaram mas dão mostras que estão mais preocupados com aquilo que os aflige diretamente. Portanto meus caros amigos(a) não esqueçam desse e dos demais fatos que vem ocorrendo ultimamente na hora do seu voto, pois essa atitude foi mais que “UM TAPA NA CARA DA SOCIEDADE”.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

BARBÁRIE QUE CHOCA A CONSCIÊNCIA

Ao desenrolar o jornal hoje me deparei com a chocante foto de primeira página da folha (22.08). Uma cena triste, deprimente, chocante e porque não dizer desumana. Foto de corpos de crianças enroladas num lençol branco, mortas numa guerra civil com proporções alarmantes. De nada adianta saber se foram mortas a tiros ou por suposto uso de armas químicas. O que importa é que estão mortas! O “governo” do DITADOR sírio Bashar al Assad mostra ao mundo que não se importa com a opinião do mundo inteiro muito menos com seu povo. E o faz desde que começaram protestos da população contra seu governo déspota ao exigirem democracia. Democracia no mundo árabe é artigo de luxo, ditaduras, essas apoiadas pelo Ocidente, leia-se, EUA, Inglaterra e Israel. A repressão aos protestos virou guerra civil com violência por parte do governo e dos opositores culminando na barbárie vista todos os dias.

segunda-feira, 29 de julho de 2013

"QUEBRANDO IMAGENS SAGRADAS"

Prestem atenção: quem eram aquelas pessoas nuas quebrando imagens? De onde elas vêm? O que fazem e que tipo de preconceito sofrem na pele? São elas simpatizantes de alguma religião? São eles pertencentes a algum partido político? São ricas ou pobres? Cultas ou ignorantes? O que sei é que são Mulheres integrantes da “Marcha das Vadias” movimento criado no Canadá em resposta a um policial que justificou um estupro por conta das roupas utilizadas pela mulher. Protestam, elas, pela legalização do aborto e de usarem o corpo como bem entenderem. Quantas dessas mulheres já fizeram aborto ou deixaram de fazê-lo ao ponto de reivindicá-lo de forma tão vil? Sim, modo vil, abjeto, contrariando a crença de muitos dos seus pares. Não se faz protestos ou se reivindica um direito passando por cima de direitos dos outros. É certo que não preciso ir ao pólo norte para saber que lá faz frio! Todo tem a idéia de como pode ser sofrido alguém ser vítima de qualquer tipo de preconceito. Eu não preciso ser negro para me engajar na causa dos mesmos. Não preciso ser gay para protestar contra homofobia. Mas eu não vou sair por aí cuspindo na cara dos brancos porque são, verdadeiramente, racistas. Não vou quebrar a cara de um heterossexual que prega morte aos gays. Muitos que se convertem para outra religião passam a atacar aquilo em que mais acreditava tornando-se intolerantes com a fé que professava. Vivemos em uma sociedade que dizem ser laica, onde todos tem o direito a professar uma religião ou culto qualquer, mas aqueles que pregam a intolerância religiosa envergonham “Aquele” a quem se dizem acreditarem. Não só católicos pregam contra o aborto, evangélicos e seguidores de outras religiões também são contra. Desta forma não é quebrando imagens sagradas para uns, queimando bíblias que são, também, sagradas para muitos, ou queimando cruzes e alcorões que se vão demover quem quer que seja para a legalização do aborto pregado por tais pessoas.

quinta-feira, 11 de abril de 2013

MENORES INFRATORES – DEVE A LEI MUDAR?

Bastou umas fotos da atriz Carolina Dieckmann vazarem na internet após seu computador ser invadido por hackers para que se fizesse uma lei regulamentando a matéria denominada (“Lei Carolina Dirkmann”). Ao longo da história, sempre que acontece algum fato de grande repercussão, corre-se para “fazer leis” para acalmar a população. Quando surgiu uma onda de assassinatos “fizeram” uma lei para controlar o comércio e o porte ilegal de arma de fogo (Lei do desarmamento”). Com o surgimento de uma onda de violência e foi editada uma lei que passou a ser chamada de “Lei dos Crimes Hediondos”. Com a onda de seqüestros relâmpagos, e latrocínios(roubo seguido de morte) Correram para acrescentaram um parágrafo ao artigo 157 (roubo), aumentando a pena para este tipo de crime. Da violência contra a mulher surgiu a “lei Maria da Penha”. Violência contra os idosos, surgiu o Estatuto do Idoso e delegacias especializadas. E assim por diante. Leis feitas a toque de caixa, somente para responder ao clamor da sociedade, invariavelmente, deixam brechas e sempre encontramos meios para, muitas vezes, que se declare a Inconstitucionalidade delas. Agora, e não é de hoje, cansamos de assistir “menores” cometendo vários tipos de crimes dentre eles o tráfico de entorpecentes, roubos e latrocínios, mas muito pouco, muito pouco mesmo acontece com esses “menores”. A pena mínima para o tráfico de entorpecentes é de 5 anos. Um menor detido traficando drogas, se for primário não acontece nada, não fica nem internado. Se você, meu amigo, “de maior” cometer um assassinato, pode pegar uma condenação de no mínimo 12 anos. Um menor que matou não fica nem 3 anos internado em uma instituição. Se ele praticou latrocínio, ou seja, matou para roubar, que a pena mínima é de20 anos, ele também não ficará nem 3 anos internado na Instituição Casa. Uma disparidade sem tamanho! Ontem mesmo um menor matou um estudante para roubar um celular, se entregou o foi “apreendido” e não preso. A sociedade já não agüenta mais conviver com tanta violência. Nosso Código Penal de 1940, remendado por todo esse tempo, espera uma reforma há anos, mas não se vê nada para discutir a questão da maioridade penal em nosso país. Conclamo a todos que lerem essas linhas opine e se engajem nesta questão. É necessário que se faça alguma coisa, que se discuta e mude ou não a maioridade penal. Ah, os menores tem direito a visitas intimas na instituição casa e quando completarem a maioridade (18anos) ele volta a ser primário, sua ficha fica zerada!!!!!!

quarta-feira, 20 de março de 2013

SE BEBER NÃO DIRIJA

Sei que muitos de meus amigos adoram a sexta feira e vivem dando vivas quando a mesma chega. Acredito até que isto faça parte da nossa cultura e se torna uma coisa corriqueira fazer apologia à bebida alcoólica nas redes sociais. Tanto é que somos bombardeados com as propagandas das cervejarias onde colocam artistas vendendo suas marcas sem sequer encostar a boca no copo (vide Ivete Sangalo). A bebida alcoólica está em todos os lugares, em qualquer festa ou comemoração lá está ela fazendo a alegria principalmente da molecada. Mas os acidentes não são mostrados nas propagandas é claro, muito menos as clínicas de recuperação ou os centros dos Alcoólicos Anônimos. Mas seria interessantes que todos, após um post "endeusando a sexta feira" escrevesse ao final: "SE BEBER NÃO DIRIJA"!!!. ASSINE a Petição! | Não Foi Acidente ---- naofoiacidente.org ASSINE a Petição!Você pode ajudar ATIVAMENTE a mudar nossa lei e acabar com a impunidade no trânsito brasileiro. COPIE O link abaixo, COLE-O NO SEU NAVEGADOR e assine eletronicamente nossa petição pública!Para fazer parte da mudança, preencha todos os dados corretamente.

quarta-feira, 23 de janeiro de 2013

"O CÓDIGO SECRETO"

Olá, bom dia a todos. As mídias sociais tornaram-se um fenômeno. Isso é incontestável. Quase todo mundo teve um Orkut e agora tem facebook. Quem não passou horas a fio conversando no “quase” finado MSN? Esse fenômeno fez com que mais e mais pessoas passassem a ler e escrever, afinal, comunicação virtual é só com palavras escritas mesmo. Passamos a ler tudo aquilo que é postado, mas o impressionante é que ninguém comenta os absurdos ortográficos postados e comentados. Daí procurei entender o “xis” da questão. O tal “Acordo Ortográfico” ou como melhor, podemos chamá-lo de “desacordo ortográfico” foi adiado, e eu nem sabia disso. O tal acordo fez com que desaprendêssemos nossa língua pátria. Eu confesso, não sei uso hifem ou aglutino as palavras sem antes consultar o “pai dos burros”, não sei se uso acento em ditongo crescente ou deixo sem e fica aquele jeitão de errado. Agora pergunto: PARA QUE MEXER NO QUE ESTÁ QUIETO? Do jeito que estava já era uma bagunça imagine agora que a bagunça ficou completa. Por isso eu sempre disse: “O PORTUGUES NÃO É UMA LINGUA, É UM CÓDIGO SECRETO”!!