eternamente verde

sexta-feira, 30 de agosto de 2013

NEM ELE ACREDITOU!!

Ajoelhado, agradecendo aos céus, (lê-se seus comparsas), o deputado federal Natan Donadon comemorava a manutenção de seu mandato de “ilustre representante do povo Rondoniense”. A cena pode ser vista em foto de primeira página da Folha 29.08.2013 logo após o anúncio da votação feita por seus pares de forma secreta. Sobra-me imaginação, faltam-me palavras, pois a vontade que tenho é de digitar um monte de palavrões, mas seriam impublicáveis e atentariam contra vc meu caro leitor. Mas o fato é que, o “nobre deputado” foi condenado pelo STF a mais de 13 anos de cadeia pelo desvio de, pelo menos, R$ 8,4 milhões da Assembléia Legislativa de Rondônia. Meu caro amigo(a) Qual foi o recado do Congresso? Primeiro, a total insatisfação com o STF (Supremo Tribunal Federal); Segundo, a força de seu “CORPORATIVISMO”, aliado a força da bancada religiosa no congresso e, por último, a revolta da ala governista com o resultado do Mensalão, dando mostras que poderão ou não cassar os condenados da ação 470. Pergunto: É para isso que eu gasto o meu tempo ao exercer meu direito de cidadão na hora do meu voto? É para isso, meu caro amigo, que pagamos impostos escorchantes para sustentar essa “cambada de interesseiros? (para não dizer outra coisa). Ali ninguém me representa com uma atitude dessas e acredito que nem a você que lê agora esse desabafo. Cada vez mais aumenta a indignação, a insatisfação, e a decepção com o nosso Legislativo que deveriam se preocupar muito mais com as coisas que afligem a população que neles votaram mas dão mostras que estão mais preocupados com aquilo que os aflige diretamente. Portanto meus caros amigos(a) não esqueçam desse e dos demais fatos que vem ocorrendo ultimamente na hora do seu voto, pois essa atitude foi mais que “UM TAPA NA CARA DA SOCIEDADE”.

quinta-feira, 22 de agosto de 2013

BARBÁRIE QUE CHOCA A CONSCIÊNCIA

Ao desenrolar o jornal hoje me deparei com a chocante foto de primeira página da folha (22.08). Uma cena triste, deprimente, chocante e porque não dizer desumana. Foto de corpos de crianças enroladas num lençol branco, mortas numa guerra civil com proporções alarmantes. De nada adianta saber se foram mortas a tiros ou por suposto uso de armas químicas. O que importa é que estão mortas! O “governo” do DITADOR sírio Bashar al Assad mostra ao mundo que não se importa com a opinião do mundo inteiro muito menos com seu povo. E o faz desde que começaram protestos da população contra seu governo déspota ao exigirem democracia. Democracia no mundo árabe é artigo de luxo, ditaduras, essas apoiadas pelo Ocidente, leia-se, EUA, Inglaterra e Israel. A repressão aos protestos virou guerra civil com violência por parte do governo e dos opositores culminando na barbárie vista todos os dias.