eternamente verde

terça-feira, 24 de agosto de 2010

O CONGRESSO COMO PICADEIRO E NÓS OS ABESTADOS

Seria cômico, senão fosse trágico, o que estamos vendo desde o início da propaganda eleitoral gratuita.
Um verdadeiro circo de horrores. Candidatos, tanto a deputado Estadual como Federal, tiram um verdadeiro sarro da cara do eleitor.
“VOCÊ SABE O QUE FAZ UM DEPUTADO FEDERAL? EU TAMBÉM NÃO SEI, MAS VOTE EM MIM QUE EU TE CONTO”, “PIOR DO QUE TÁ NÃO FICA”, com essas duas frases, célebres por sinal, o candidato a deputado federal TIRIRICA iniciou sua campanha . Uma verdadeira desmoralização da instituição a qual pretende nos representar.
E não para por aí, completando o dito “circo” temos: A mulher pêra, com uma cinturinha a fazer inveja muitas moçoilas, mas com um discurso descabido “jovem vota em jovem”, nossa; O costureiro (e afanador de túmulos) Ronaldo Ésper, com seus óculos à La Formiga Atômica, querendo alfinetar seus opositores; O Cantor Agnaldo Timóteo querendo abocanhar os votos dos órfãos do falecido Clodovil; O jogador Marcelinho Carioca trocando o verde dos gramados pelo tapete verde do Congresso;
Agora, ruim mesmo é”famosos” pedindo votos para seus parentes. Já viram a ex- apresentadora Mara pedindo votos para seu marido? Comovente não? E o apresentador Raul Gil pedindo votos para seu filho? Quem é o filho do Raul Gil? O Radialista Eli Correia pedindo votos para seu filho, nunca vi mais gordo o sujeito.
E o pior? Os candidatos ficha suja, como Paulo Maluf que vai até o Supremo com a sua candidatura, podem ter certeza disso, bem como o Joaquim Roriz, que, segundo pesquisas, vão se eleger novamente.
Com tudo isso, pergunto: PARA QUE, ENTÃO, O TSE AMORDAÇOU OS PROGRAMAS HUMORÍSTICOS COMO O PÂNICO, E O CASSETA?
Meus amigos vivemos numa sociedade democrática e todos tem direito a se candidatar, mas cabe a nós, os eleitores, filtrar todas essa bandalheira que nos é apresentada, votarmos e colocarmos no Congresso políticos, verdadeiramente, engajados com as causas sociais, temos que analisar suas reais propostas e não ficarmos reféns de propostas absurdas, discursos humorísticos e amadorísticos, de tudo isso só posso tirar uma conclusão: É O CONGRESSO LADEIRA ABAIXO.

Nenhum comentário:

Postar um comentário